19 de fevereiro de 2013

Ministério da Pesca e Aqüicultura

Ponta Grossa terá uma representação do Ministério da Pesca e Aqüicultura, através do escritório regional. Durante uma reunião realizada nesta segunda-feira entre o prefeito Marcelo Rangel, o secretário de Agricultura e Pecuária, Gustavo Ribas, o superintendente federal do Ministério, José Antônio Brito, e o deputado federal Sandro Alex ficou estabelecida a parceria entre a Prefeitura e o Governo Federal. A instalação depende ainda de um local para abrigar o escritório, o que, de acordo com Ribas, já está sendo verificado pela prefeitura.

Para Rangel, a representação do Ministério da Pesca e Aqüicultura em Ponta Grossa representa um avanço para o desenvolvimento da pesca em Ponta Grossa e região. O Escritório Regional vai capacitar produtores para adoção de novas técnicas e ampliar o setor. “Essa é uma notícia muito boa para todos nós, vamos fortalecer ainda mais o setor pesqueiro da nossa região”, disse o prefeito. O escritório em Ponta Grossa será o terceiro no Paraná. Atualmente, o estado sedia dois escritórios regionais do Ministério da Pesca e Aqüicultura, sendo um em Ribeirão Claro e outro em Guaratuba.

Será através do escritório regional que será possível implantar em Ponta Grossa e região o Plano Safra da Pesca e Aqüicultura, voltada para toda a cadeia produtiva, que implantará novos parques aquículas em lagos e represas. Através de diversas linhas de crédito, os pequenos pescadores e aquicultores poderão investir em novas estruturas, equipamentos e barcos.  “Vamos dar atenção a cadeia produtiva aqui, facilitando a vida do produtor”, disse Brito.         

Segundo a Associação dos Aquicultores dos Campos Gerais, a presença do Ministério da Pesca e da Aquilcultura em Ponta Grossa dará mais visibilidade ao setor. Segundo o presidente da Associação, Osmar Zoldan, estima-se que Ponta Grossa tenha hoje cerca de 300 produtores de peixe. Destes, apenas 64 estão associados. “Além de unir mais a categoria, o escritório vai fortalecer a nossa associação e proporcionar a fidelização dos produtores”, diz Zoldan, que também acompanhou a reunião na prefeitura.    

O escritório do Ministério também agiliza a criação do frigorífico de peixe em Ponta Grossa para receber toda a produção da região. O primeiro passo para isso já foi dado pelo deputado federal Sandro Alex, também presente à reunião. O deputado anunciou a vinda de dois caminhões-feira (frigorífico), através de emenda individual sua no orçamento federal de 2012. Segundo o deputado, o ministro da Pesca de Aqüicultura, Marcelo Crivella, garantiu a entrega dos caminhões em meados de julho. Além de ajudar no trabalho do frigorífico, os caminhões poderão acompanhar também o programa municipal Feira Verde, que troca o lixo reciclável por frutas, verduras e legumes.

CONTRIBUA PARA A CAMPANHA

CONTRIBUA PARA A CAMPANHA
Leandro Soares Machado Pré-candidato a Deputado Estadual

Entre em contato:

Nome

E-mail *

Mensagem *