Ponta Grossa terá novas unidades prisionais


 O prefeito Marcelo Rangel recebeu nesta quarta-feira (6) a secretária da Justiça, Cidadania e Direitos Humanos do Paraná, Maria Tereza Uille Gomes, juntamente, com o presidente do Conselho Comunitário de Segurança (Conseg), Henrique Hennenber, o secretário de Cidadania e Segurança Pública, Ary Lovato e a secretária de Governo Indianara Milléo. Durante a reunião foram discutidas questões relacionadas a superlotação do Mini Presidio Hildebrando do Souza, as políticas de ressocialização e Casa da Custódia.

A secretária da Justiça, Cidadania e Direitos Humanos do Paraná, Maria Tereza Uille Gomes, destacou que a Casa da Custódia está aprovada pelo estado, mas apresentou outra proposta para substituir a construção da Casa da Custódia: “estamos aqui para discutir o melhor sistema prisional para Ponta Grossa, temos três opções que ainda dependem da aprovação da comunidade”. Para a construção da Casa da Custódia, que terá a capacidade para 333 presos, seriam gastos R$ 9 milhões. Existe a opção de implantar três unidades em regime semi-aberto com capacidade para 180 presos cada uma e três barracões industriais para trabalhos de ressocialização, neste caso, os presos trabalhariam em obras públicas e reciclagem de resíduos.

O presidente Conselho Comunitário de Segurança, Henrique Hennenberg, explica que o regime semi-aberto é um processo fundamental para inclusão social: “essa é a tendência da execução penal no Brasil, devido ao aumento do números de presos, vamos avaliar esse sistema para Ponta Grossa, pois é um modelo que contribui para a ressocialização dos presos”. Segundo o prefeito Marcelo Rangel este é um grande investimento do estado: “ a construção de três unidades em regime semi-aberto representa crescimento industrial, pois presos estarão trabalhando nos barracões indústriais”. A secretária de secretária da Justiça, Cidadania e Direitos Humanos do Paraná, Maria Tereza Uille Gomes, terá uma reunião com o Ministério da Justiça para apresentar os modelos para o sistema carecerário de Ponta Grossa.