Alunos de escolas municipais concluem formação do Proerd


Foto: Marcelo Rangel Esméria Saveli Sandro Alex
O Programa Educacional de Resistência às Drogas e a Violência (Proerd) formou mais uma turma ontem sexta-feira (10). A solenidade de abertura contou com a presença do prefeito Marcelo Rangel, da secretária de Educação, Esméria Saveli, do deputado federal Sandro Alex e dos instrutores da Policia Militar. O Programa é desenvolvido pela Policia Militar em parceria com a Secretaria Municipal de Educação. No total, 1.800 crianças do 5º ano do Ensino Fundamental foram formadas hoje. O Proerd é um programa educativo, preventivo e estratégico, composto de 17 lições ministradas a crianças do 5º ano, ao longo de um semestre letivo, sendo uma aula semanal, com duração uma hora aproximadamente cada aula. Nas aulas, as crianças aprendem a reforçar a auto-estima, lidar com as tensões, resistir às pressões dos companheiros e da mídia, além de desenvolver a civilidade. A participação dos alunos é ativa, com o desenvolvimento de teatrinhos, músicas, questionamentos e pesquisas. Ao final do programa são entregues certificados aos alunos participantes, em solenidade de formatura.
Para o coordenador do Proerd, tenente Saulo Vinicius Hladysziski, os resultados do trabalho são positivos. “Os alunos ficaram encantados com o programa e o principal é que elas entenderam que é necessário ficar longe das drogas”, afirma. A secretaria de Educação, Esméria Saveli, destaca que diante do aumento do aumento da exposição das drogas a ação desenvolvida pela policia é fundamental.  “Hoje as drogas são encontradas facilmente. Nesse sentido, o trabalho do Proerd está contribuindo para que nossas crianças fiquem longe das drogas”, diz. Desde o início do Proerd em Ponta Grossa, aproximadamente 15.000 crianças já receberam as instruções. Na região, mais 7.000 alunos já passaram pelo programa, totalizando 22.000 estudantes. No Paraná, mais de 450.000 crianças já se formaram no Proerd, e hoje fazem parte dos milhões de “proerdianos” brasileiros e mundiais.
Foto: Marcelo Rangel (Prefeito de Ponta Grossa - PR)
1º BPM - PROERD

Programa Educacional de Resistência às Drogas e a Violência
Os jovens estão cada vez mais precocemente ingressando no mundo da marginalidade. E o principal caminho para esse mundo é o abuso de drogas. Existe uma facilidade muito grande em adquirir entorpecentes. O traficante está em cada esquina, primeiramente oferecendo gratuitamente a droga, e, depois de viciado o jovem, este é utilizado para fazer “entregas”, em troca de certa quantidade da substância, para sustentar seu vício.

Não existe mais um local totalmente seguro, em que o jovem fique fora de contato com traficantes, ou mesmo com usuários de entorpecentes. Os pais estão cada vez mais atarefados, é preciso trabalhar, sustentar a família. Talvez, inconscientemente, estejam sendo negligentes, deixando os filhos à mercê de diversões fáceis, más companhias, e suas conseqüências.

Surgiu a necessidade de se fazer algo por esses jovens. A sociedade mobilizou-se, surgiram idéias, e concluiu-se, com obviedade, que era preciso investir em prevenção. A repressão já não era suficiente.

Em 1983, em Los Angeles, Califórnia, nos Estados Unidos, foi implantado o Projeto D.A.R.E. (Drugs Abuse Resitance Education), eminentemente preventivo, desenvolvido pela polícia, em parceria com as Secretarias de Educação, nas escolas da rede de ensino. O programa deu certo e é hoje uma das apostas que autoridades e pais têm para frear o avanço do flagelo das drogas. Em pouco tempo, o PROERD espalhou-se a vários cantos do planeta e é realidade em muitos países, como no Brasil.

O PROERD é um programa educativo, preventivo e estratégico, composto de 17 lições ministradas a crianças 4ª séries, ao longo de um semestre letivo, sendo uma aula semanal, com duração uma hora aproximadamente cada aula. As aulas ensinam as crianças a reforçar a auto-estima, lidar com as tensões, resistir às pressões dos companheiros e da mídia, além de desenvolver a civilidade. A participação dos alunos é ativa, com o desenvolvimento de teatrinhos, músicas, questionamentos e pesquisas. Ao final do programa são entregues certificados aos alunos participantes, em solenidade de formatura.


PONTA GROSSA
O projeto se iniciou no 1º BPM no ano de 2001, com dois instrutores. A partir de 2002, algumas cidades da região passaram a contar com o PROERD. São elas: Carambeí, Irati, Palmeira e Telêmaco Borba.

Para habilitar-se a instrutor Proerd, o Policial Militar participa de um Curso de Formação, com 80 horas/aula, onde são repassados os conteúdos das aulas a serem ministradas junto às crianças das 4ª séries das escolas atendidas pelo Programa.

Desde o início do Proerd em Ponta Grossa, aproximadamente 15.000 crianças já receberam as instruções. Na região, mais 7.000 alunos já passaram pelo programa, totalizando 22.000 estudantes. No Paraná, mais de 450.000 crianças já se formaram no Proerd, e hoje fazem parte dos milhões de proerdianos brasileiros e mundiais.
Fonte: Assessoria de Imprensa Prefeitura de Ponta Grossa

CONTRIBUA PARA A CAMPANHA

CONTRIBUA PARA A CAMPANHA
Leandro Soares Machado Candidato a Deputado Estadual 54200

SAIBA MAIS

Leandro Soares Machado quer melhorias para saúde e segurança

Na Alep, Leandro garante que promoverá o fortalecimento dos Campos Gerais   Depois de disputar as eleições para prefeito de Ponta Gross...

Entre em contato:

Nome

E-mail *

Mensagem *

Instagram @leandrosoaresmachado