Prefeito se reúne com moradores do Núcleo Santa Luzia


Foto: Prefeito Marcelo Rangel e comunidade da Santa Paula
    O prefeito Marcelo Rangel se reuniu nesta segunda-feira de manhã com a Associação de Moradores do Núcleo Santa Luzia para ouvir os moradores. Foram abordados temas como asfalto, educação, segurança e infraestrutura. Durante a reunião, intermediada pelo vereador Márcio Schirlo, Rangel falou sobre planos e dificuldades que vem enfrentando em seu governo. O prefeito agradeceu aos participantes pelo convite e também pela oportunidade de conversar diretamente com os moradores.
    “Eu gosto muito dessas reuniões porque o contato direto com a população é a melhor forma de conhecer a cidade, seus problemas e avanços”, disse Rangel para as pessoas presentes na reunião. “É importante que o prefeito ouça da própria comunidade as reivindicações. A certeza de que somos ouvidos nos dá mais segurança”, disse a presidente da Associação dos Moradores do Núcleo Santa Luzia, Solange Vieira dos Santos.
    O contato direto com a população tem sido uma ação constante na atual gestão. Reuniões com comunidades, nas sedes das Associações de Moradores, têm ocorrido quinzenalmente. O programa Operação Padrão Bairros é outra oportunidade do contato direto. A cada sábado, o prefeito e secretários estão numa comunidade de Ponta Grossa verificando os problemas enfrentados e, na medida do possível, solucionando-os.
    Na reunião com o Núcleo Santa Luzia, a saúde foi um dos pontos mais debatidos. Os moradores relataram ao prefeito sobre a demora para o atendimento e a rapidez da consulta. Algumas pessoas também falaram sobre o atendimento ríspido. Rangel falou sobre projetos que serão desenvolvidos pela Prefeitura de Ponta Grossa para a qualificação profissional dos atendentes de saúde para lidar melhor com o público. Uma das propostas estudadas, segundo o prefeito, é a criação de um plano de cargos e salários baseado na aprovação popular.
Foto: Prefeito Marcelo Rangel e comunidade da Santa Paula
    Outro pedido da população foi a construção de uma Capela Mortuária, uma reivindicação de 15 anos. Sobre isso, o prefeito explicou sobre o processo burocrático que envolve uma obra. Ainda assim Rangel se comprometeu a estudar, juntamente com a Secretaria de Planejamento, um projeto para a construção da Capela Mortuária para o Núcleo Santa Luzia. “Eu quero que vocês entendam que estamos trabalhando na base do nosso governo. É essa base que irá dar o suporte necessário para que os nossos projetos sejam sólidos e permanentes. Contamos com a ajuda de vocês na construção desta base”, finalizou Rangel, frisando que participará de outras reuniões com a comunidade do Santa Luzia.