Prefeitura autoriza ampliação e construção de novas unidades

Foto: Dr. Zeca e Erildo Müller

O prefeito em exercício José Carlos Raad, o doutor Zeca, sancionou  no início da noite ontem quinta-feira (23) a lei que autoriza a abertura de crédito adicional de R$ 1.232.331,67 para a Saúde, que será utilizado na ampliação de 12 Unidades Básicas de Saúde e a construção de cinco Unidades do Programa Saúde da Família em Ponta Grossa. A proposta aprovada pelos vereadores na semana passada foi enviada pela Prefeitura de Ponta Grossa.
Serão ampliadas as Unidades Básicas da Vila Guaíra, do Parque Schangri-lá, da Santa Terezinha, do Parque Santa Lúcia, da Vila Real, do Cara-Cará, na Vila Vilela, no Santa Maria, em Periquitos, no Parque Tarobá, no Santa Paula e no Caracazinho. A lei prevê ainda a construção de unidades de saúde no Recanto Verde, no Jardim Jacarandá, no Jardim Cerejeiras, no Jardim Amália I e no Jardim Gralha Azul.
O crédito adicional estava previsto pelo governo Marcelo Rangel desde o início do ano, quando foi divulgado pela Prefeitura de Ponta Grossa o Plano Municipal de Saúde, que estabelecia metas a curto, médio e longo prazo para ações em todos os setores. Uma das propostas a curto prazo era justamente o investimento na atenção básica primária, sob responsabilidade das Unidades Básicas de Saúde. Segundo o prefeito em exercício, que é médico e sempre atou na saúde do município, o investimento na atenção básica evita a saturação nos hospitais.
Outra ação que vem sendo estudada pelo município é ampliar em Ponta Grossa o Programa Saúde da Família (PSF), que hoje abrange 43% da população da cidade. A construção das novas unidades que atenderão ao PSF era medida estudada a médio prazo, mas, com o crédito adicional, poderá ser iniciada imediatamente. Segundo o secretário municipal de Saúde, Erildo Muller, que também participou da assinatura da nova lei, a intenção da prefeitura é aumentar ano a ano o número de unidades que atendem ao PSF, chegando ao atendimento de 75% da população até o final da atual gestão.
De acordo com Zeca, as obras de ampliação devem ser iniciadas imediatamente, assim como a construção das novas unidades “Saúde sempre foi prioridade para o nosso governo. A ampliação das unidades e a construção de novas é uma ótima notícia para a cidade e, em breve, mais notícias boas virão para Ponta Grossa”, disse Zeca.

Investimentos:

Unidades que serão ampliadas
Unidade Aluízio Greochoski – Vila Guaíra R$ 101.115,00
Unidade Carlos Dezaunet Neto - Parque Schangri-lá - R$80.100,00
Unidade Clyceu Carlos de Macedo - Santa Terezinha – R$ 109.800.00
Unidade Eugenio José Bocchi - Parque Santa Lúcia – R$ 96.000,00
Unidade Javier Cejar Arzabe - Vila Real – R$ 116.100,00
Unidade Jose Carlos Araújo - Cara-Cará – R$ 104.100,00
Unidade Júlio de Azevedo - Vila Vilela – R$ 66.150,00
Unidade Lauro de Almeida Muller - Santa Maria – R$ 101.100,00
Unidade Louis Atanasio Charles Büron – Periquitos – R$ 77.100,00
Unidade Nilton Luis de Castro – Tarobá – R$ 51.000,00
Unidade Egon Roskamp - Santa Paula R$ 56.100,00
Unidade Professor João Fidelis Sobrinho – Caracazinho – R$ 87.000,00

Novas Unidades
UBS/PSF Recanto Verde R$ 87.000,00
UBS/PSF Jardim Jacarandá R$ 40.000,00
UBS/PSF Jardim Cerejeiras R$ 26.666,67
UBS/PSF Jardim Amália I R$ 40.000.00
UBS/PSF Jardim Gralha Azul R$ 40.00,00
Fonte: Assessoria de Imprensa Prefeitura de Ponta Grossa