17 de dezembro de 2013

Prefeitura e Copel buscam soluções para o problema de bromélias nos fios

Foto: Divulgação
          O prefeito Marcelo Rangel recebeu onde segunda-feira (16) o gerente do Departamento de Serviços Mário Roberto Mendes Correa, juntamente com o supervisor de Manutenção, Luiz Ricardo da Silva e a técnica florestal, Fernanda Silva, ambos da Companhia Paranaense de Energia Elétrica (Copel), para discutir soluções para a proliferação de bromélias nos fios de luz. Conforme informações do secretário de Meio Ambiente, Fernando Pilatti, que também participou da reunião, os pontos com maior concentração das plantas encontram-se nas avenidas Visconde de Mauá, Carlos Cavalcanti, Monteiro Lobato e nas ruas Paula Xavier, Balduíno Taques, Bonifácio Vilela, Ernesto Vilela, Dom Pedro II e Visconde de Taunay.
De acordo com o prefeito Marcelo Rangel a prefeitura trabalha em união com a Copel. “A parceria entre o governo municipal e a Copel é fundamental para que possamos descobrir a origem destas plantas e uma forma de impedir que elas proliferem”, afirma Rangel. A manutenção dos cabos e fios elétricos e dos postes é responsabilidade da Copel e, segundo os representantes da empresa, o trabalho está sendo feito. “O trabalho de manutenção é demorado, por que é feito de forma manual e mecânica. Por meio do estudo que será desenvolvido pretendemos levantar a causa e as soluções para o problema”, explica a técnica florestal Fernanda Silva,
Também como foi acordado no encontro de ontem, o Instituto de Tecnologia para o Desenvolvimento (Lactec) fará um estudo para levantar as causas do surgimento dessas plantas e as medidas para conter a sua proliferação, mas deve apresentar resultados apenas em médio prazo.
As plantas que crescem nos fios da rede elétrica são classificadas como epífitas, porque possuem mecanismos para absorver nutrientes e água sem precisar de solo. Justamente por isso elas conseguem aparecer nas frestas dos fios da rede de energia elétrica. As plantas de coloração acinzentada, bastante comuns em Ponta Grossa, são bromélias do gênero Tillandsia.


Fonte: Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Ponta Grossa

SAIBA MAIS

Evento Rotary Distrito 4730: Empreender é o Futuro!

Primeira edição do evento Empreender é o Futuro, com cunho beneficente, realizado pelo Rotary Club Distrito 4730.  Venha potencializar su...