Mutirão para o recadastramento do Bolsa Família

Foto: Divulgação
O mutirão para recadastramento de beneficiários no Bolsa Família, organizado pela Secretaria Municipal de Assistência Social, reuniu no último sábado, no Centro de Inclusão Digital, na Escola Municipal Zahira Catta Preta Mello, no Cara-Cará, 126 pessoas. Este recadastramento é necessário ser feito a cada dois anos, para a verificação se as famílias cadastradas continuam atendendo aos critérios para permanecerem no programa. Portanto, se o beneficiário não atualizou o seu cadastro há mais de dois anos, deve fazê-lo neste momento, caso contrário poderá perder o benefício.
A Secretaria de Assistência Social está montando outros mutirões, em mais bairros, que atenderão sempre aos sábados. No próximo sábado, dia 21, a equipe estará no Guaragi, recadastrando as famílias do entorno. Além dos mutirões, os beneficiários podem atualizar o cadastro na sede da Secretaria Municipal de Assistência Social, na rua Joaquim Nabuco, 59. “A atualização de cadastro é importante para a continuidade da inscrição no Bolsa Família e as famílias que não o fizerem estão sujeitas a perder o beneficio”, diz o secretário Júlio Kueller, que esteve no Cara-Cará no fim de semana acompanhando o recadastramento das famílias.
Ponta Grossa tem inscritos no programa, atualmente, 8 mil famílias e destas, 1.200 beneficiários precisam fazer o cadastramento. Estas famílias estão recebendo a convocação em suas casas, sendo comunicadas sobre a data e o local que deverão comparecer. Para o recadastro é necessário apresentar documentos pessoais de todos os moradores da casas, comprovante de renda e de residência e a declaração escolar dos filhos.

Fonte: Assessoria de comunicação da prefeitura de Ponta Grossa-Pr