4 de dezembro de 2015

Aplicativo auxilia no transporte coletivo de Ponta Grossa

Leandro Soares Machado e Cris Dresch departamento de comunicação da VCG
O aplicativo Moovit, lançado nesta sexta-feira pela Viação Campos Gerais, concessionária do transporte público de Ponta Grossa, e Autarquia Municipal de Trânsito e transporte (AMTT), é mais um incremento que vem fortalecer o sistema de transporte público do município. O aplicativo permite ao usuário consultar, a partir de dispositivos móveis, informações sobre horários, rotas, linhas e pontos de ônibus no município e também deixar suas colaborações sobre o transporte público.


“O Moovit é um instrumento importante para o transporte público. Ele vem a acrescentar, juntamente com outros projetos desenvolvidos nestes últimos três anos, como o Linha Direta, o sistema de integração, o Passe Livre, entre outros, projetos desenvolvidos visando aos usuários do transporte público de Ponta Grossa”, disse o prefeito Marcelo Rangel. Os ônibus do transporte de Ponta Grossa percorrem diariamente 43 mil quilômetros, levando em média 65 mil passageiros em sete mil viagens, passando por mais de 2.575 pontos em toda a cidade.

“A cidade cresce e vamos acompanhando este crescimento, atendendo as necessidades da população e apresentando soluções inteligentes que beneficiam e ajudam no dia a dia dos nossos usuários”, disse o presidente da AMTT, Eduardo Kalinoski. Foi pensando nisso que foram desenvolvidos projetos pensados na mobilidade, no conforto e no tempo dos passageiros, como a linha Sem Parar, implantada em 2013, que faz o trajeto entre os terminais sem parada, reduzindo o tempo de viagem.

Outro projeto desenvolvido e que vem tendo aprovação dos usuários é a Linha Direta, que faz a rota entre os Terminais Uvaranas e Oficinas, beneficiando mais comunidades. Além de um percurso mais curto, o passageiro conta com tempo menor entre o Terminal de Oficinas e o de Uvaranas, e vice-versa. A rota corta pontos de engarrafamento, principalmente em horários de picos, como ocorre na avenida Carlos Cavalcantti, em Uvaranas, e a Visconde de Mauá, em Oficinas. Neste ano, a AMTT lançou também o sistema de integração temporal, que permite aos usuários utilizar mais de um ônibus pagando uma só passagem, num período de uma hora e meia. A integração temporal funciona entre as linhas Dom Bosco e Santa Paula, e Gralha Azul e Roma/Canaã, que se integram à linha que atende a região do núcleo Santa Terezinha.

Outra demanda atendida foram os estudantes, que neste ano foram beneficiados com o Passe Livre. Desde quando foi instituído, o Passe Livre vem aumentando o seu alcance gradualmente e hoje atende mais de 4,2 mil estudantes de Ponta Grossa. Recentemente, a lei do Passe Livre foi aprimorada, cobrando responsabilidades também do aluno.

Agora, se o estudante for flagrado cometendo ato de vandalismo em patrimônio público ou poluir córregos e rios, furtando ou danificando placas de sinalização, bocas de lobo e bancos de praças, não zelar pela conservação das vias ou logradouros públicos, riachos, canais, arroios, córregos, lagos, lagoas e rios, jogar em suas margens jogando resíduos de qualquer natureza que causem prejuízo à limpeza ou ao meio-ambiente perderá o benefício. “Estamos avançando cada vez mais e queremos ir além, e eu me cobro todos os dias por isso, mas devemos nos orgulhar por juntos termos conquistado todos estes avanços”, disse Kalinoski.

Das Assessorias de Imprensa

SAIBA MAIS

Evento Rotary Distrito 4730: Empreender é o Futuro!

Primeira edição do evento Empreender é o Futuro, com cunho beneficente, realizado pelo Rotary Club Distrito 4730.  Venha potencializar su...