Prefeitura estuda incluir mel no programa FEIRA VERDE



Para incrementar o programa Feira Verde com a inclusão de mel entre os alimentos distribuídos, o secretário Municipal de Abastecimento, Sérgio Zadorosny Filho, esteve reunido, nesta segunda-feira (1º), com o diretor do programa, João Alfredo Araújo, com a supervisora financeira e administrativa da SMAB, Edinna Vitkoski, com o diretor do Departamento de Agricultura e Pecuária (DAP), Pedro Luis Dropa, com o médico veterinário, Marcos André Aleixo, e com o agrônomo, Michel Demiate.
Segundo Zadorosny, acrescentar mel ao programa é uma meta do governo municipal que vai contribuir com a saúde da população. “O mel é natural e completo, além de ser rico em elementos nutritivos. Estamos estudando a viabilidade de incluir o mel levando em conta a proporção que será trocada e a periodicidade, já que o produto é mais caro que os demais alimentos”, explica o secretário. Além disso, Zadorosny acredita que a aquisição vai fomentar a apicultura na região. “Essa parceria será a garantia de comercialização para os apicultores, funcionando como estímulo para que produzam cada vez mais e melhor. O governo municipal, através das secretarias de Abastecimento e de Agricultura, visa melhorar o arranjo de produção local acrescentando o mel ao programa Feira Verde e melhorar a saúde da população”, salienta.
O diretor do DAP estima que aproximadamente 30 apicultores atuem na região dos Campos Gerais. “O próximo passo é entrar em contato com apicultores da região e com a associação de apicultores para iniciarmos a negociação. Isso deve ser feito ainda nesta semana”, afirma Dropa.