Prefeitura auxilia Audiência Pública

Foto: Divulgação
Através de uma ação realizada em conjunto pela Prefeitura de Ponta Grossa e a Vara da Infância e Juventude, as famílias que tinham pendências em pequenas causas tiveram a oportunidade de resolver questões relacionadas à moradia e matrícula. Por conta destes problemas, foi realizado ontem quarta-feira (30) uma Audiência Pública que contou com a participação da Companhia de Habitação de Ponta Grossa (Prolar) e da Secretaria Municipal de Educação. Também participaram  da audiência os órgãos que atuam na rede de proteção a criança e adolescente.
Foto: Divulgação
Com o auxílio da Prolar, as famílias que buscam reaver a guarda de seus filhos terão o direito de receber uma casa com melhores condições para manter a criança. “A Prolar dá preferência a essas situações. São famílias que não têm condições de comprar uma moradia adequada e acabam perdendo a guarda dos filhos”, disse o presidente da Prolar, Dino Schrutt. Já as famílias que perderam a guarda dos filhos por não realizarem a matrícula na escola tiveram a ajuda da Secretaria Municipal de Educação, que esclareceu dúvidas dos envolvidos e garantiu vagas nas escolas municipais para as crianças.

Para a Juíza da Vara da Infância e Juventude, Laryssa Angélica Copack Muniz, e a promotora Caroline Teixeira de Sá, a audiência pública foi positiva. “As famílias que compareceram solucionaram as questões pendentes. A participação da Prefeitura nesta ação foi fundamental para que elas se unissem novamente”, disse a juíza.

Fonte: Assessoria de Imprensa Prefeitura de Ponta Grossa