SECRETARIA MUNICIPAL DE ABASTECIMENTO



O Mercado da Família mais vulnerável entre as oito lojas, o da Vila Vicentina, terá segurança em tempo integral. A decisão foi tomada, ontem quinta-feira (4), durante reunião entre os secretários Municipais de Abastecimento, Sérgio Zadorosny Filho, e de Cidadania e Segurança Pública, Ary Lovato, e os vereadores Daniel Milla e George Oliveira. “Esta é uma ação integrada que busca solucionar os problemas mais graves de segurança nas lojas Mercado da Família. O governo municipal e o legislativo estão juntos nessa empreitada”, revela Zadorosny.
Atualmente, a Guarda Municipal conta com 175 pessoas no efetivo, segundo Lovato. “Dentro das possibilidades da Guarda, que tem um efetivo limitado, vamos fazer um estudo de escala e manejar nosso pessoal para atender de forma imediata as necessidades do Mercado da Vila Vicentina com policiamento 24 horas”, afirma Lovato.
A unidade da Vila Vicentina é considerada a mais vulnerável devido a quantidade de assaltos. Ao todo foram quatro ocorrências nos últimos anos. “Por estar localizado em uma região de pouco movimento noturno, a loja da Vila Vicentina é a mais assediada pelos ladrões. Agora, com a decisão final dessa reunião, acredito que o problema de segurança dessa unidade está resolvido”, comemora Zadorosny.
De acordo com Milla, a questão da segurança nas lojas Mercado da Família será solucionada quando houver um sistema de cartão de débito no programa. “O sistema de cartão evita que fique dinheiro em caixa e garante mais segurança nas lojas”, destaca Milla. Da mesma forma, o secretário revelou que já estão sendo estudadas diversas alternativas para implantar o sistema de compra com cartão. “É preciso avaliar o funcionamento, parcerias e a melhor forma de implantar o sistema para que haja apenas benefícios, tanto na facilidade de compras quanto na segurança dos consumidores e funcionários”, completa Zadorosn