Marcelo Rangel se reúne com presidente mundial da DAF


      O prefeito Marcelo Rangel recebeu ontem sábado (13), em seu gabinete, a visita do presidente mundial da DAF, Mark Pigott, que estava acompanhado do presidente e do diretor comercial da Paccar Ponta Grossa, Marco Dávila e Michael Krost. A visita de cortesia foi também uma reunião de negócios, quando foram discutidos diversos pontos de interesse de ambas as partes. Participaram também da reunião a secretária de Governo, Indianara Milléo e o secretário de Indústria, Comércio e Qualificação Profissional, Álvaro Scheffer.
        “Foi uma reunião muito importante e produtiva”, avaliou Rangel. Entre os assuntos abordados na reunião foram os investimentos no Aeroporto Santana. Pigott se mostrou satisfeito com as obras de reforma no aeroporto, fato que facilitará a operação da Paccar em Ponta Grossa, já que o projeto prevê vôos entre Ponta Grossa e São Paulo. Segundo Rangel, a alta direção da Paccar também participará das reuniões da Secretaria de Indústria, Comércio e Qualificação Profissional para discutir o projeto do novo aeroporto. “Tivemos boas discussões hoje sobre o que faremos nos próximos meses e a perspectiva de aporte da prefeitura de Ponta Grossa é muito importante para nós”, disse Pigott.
     A visita também trouxe boas perspectivas para outras indústrias. A intenção do município, de acordo com Scheffer, é trazer para Ponta Grossa fornecedores indicados pela diretoria da DAF. Com fornecedores próximos, a empresa americana poderá ter uma redução de custos quanto ao aspecto logístico, o que garantirá uma maior capacidade de crescimento e participação no mercado. “O crescimento da Paccar é também o crescimento de Ponta Grossa. O nosso próximo passo agora é buscar exatamente os fornecedores que eles nos indicarem”, disse o secretário de Indústria, Comércio e Qualificação Profissional.
     Pigott também falou com o prefeito sobre a infraestrutura da PR-151, relatando sobre a necessidade de acessos viários próximos à indústria, como trincheiras ou viadutos. O presidente da DAF saiu da reunião com o compromisso da Prefeitura de Ponta Grossa em intervir junto aos governos estadual e federal para a construção dos acessos. Uma preocupação de Pigott relatada ao prefeito, foi em relação sobre à diferença entre o protocolo de intenções, assinado no ano passado, e a legislação municipal que prevê incentivos para a DAF. O protocolo previa a terraplanagem, mas o projeto de lei enviado à Câmara no ano passado não constava este incentivo. O prefeito o tranqüilizou, dizendo que o município já está resolvendo esta questão pendente.